terça-feira, 1 de março de 2011

Ad hominem

"Ataques pessoais (argumentum ad hominem)

Ataca-se pessoa que apresentou um argumento e não o argumento que apresentou. A falácia ad hominem assume muitas formas. Ataca, por exemplo, o carácter, a nacionalidade, a raça ou a religião da pessoa. Em outros casos, a falácia sugere que a pessoa, por ter algo tem algo a ganhar com o argumento, é movida pelo interesse. A pessoa pode ainda ser atacada por associação ou pelas suas companhias. "
FONTE: http://criticanarede.com



Porque minha eterna fonte de pérolas® precisa de (mais) um local para escrever merda.

===

Se alguém quiser discutir as divinas alegações esteja à vontade. Não é por não gostar de muita coisa do trabalho do Luciano que deixarei de exigir provas ou uma melhor fundamentação das acusações. (e mais do que isso, espero uma contra-argumentação principalmente no caso da abordagem de “revolucionários” feita pelo Luciano.¹)
O ateuzinho escreve com tamanha propriedade que faço questão de discutir.
A onisciência não é gratuita. rs

1 - Interesse pessoal, afinal de contas, eu não tenho fortes argumentos contrários (que levem em consideração o sentido de direita e conservador adotado por Luciano) e seria interessante ter algum.

2 comentários:

neoateismo disse...

Fake Luciano Ayan foi "ótemo"

Será que tem gente que ainda não percebeu que ele e o Snowball são a mesma pessoa?

Yuri S. C. disse...

Comentador do dia 07/06/2011:
Estou ciente da esquizofrenia do sujeito citado por você, mas comentários de anônimos não são aceitos.

Att